Confecção Brasileira tem 50% de Perdas

 

A posição ocupada pelo Brasil na indústria têxtil mundial é privilegiada. Em 2014 éramos o terceiro maior produtor do mundo, chegando a 170 mil toneladas. O problema é que a nossa eficiência produtiva é pouco maior do que 50%, ou seja, 50% das atividades na indústria da confecção brasileira não agregam valor ao produto. Um índice aceitável e competitivo deveria beirar os 75% . O tema é vasto, mas vamos abordar um pouco mais a seguir.

 

Não são poucos os fatores que têm afetado o bom desempenho da nossa indústria. Por muito tempo a cadeia de suprimentos, a forma de gerenciar fornecedores e os trâmites legais eram as maiores dificuldades. Hoje somam-se muitos problemas do dia a dia causados pelos próprios agentes da indústria que não se adaptaram à sua dinâmica atual.

 

 

O que adiciona valor e o que é perda de valor na indústria?

 

 

Podemos pensar que existem dois tipos de trabalho:

 

1) aquele trabalho que adiciona valor, ou seja, aquilo que agrega valor ao produto; esse pode ser descrito como a melhor condição de trabalho, ou seja, mão de obra qualificada, maquinários de ótima qualidade, e estoque disponível.

 

2) aquele tipo de  trabalho que não adiciona valor, representando atividades necessárias , mas que não agregam valor aquele determinado produto, ou seja, quando o funcionário não está em sua melhor condição de trabalho, e precisa, por exemplo, se deslocar de seu ponto de trabalho, para apanhar tecido em outro setor, ou quando o maquinário precisa de manutenções constantes, ou até mesmo mão de obra desqualificada, que pode ocasionar perdas ao ter de refazer trabalhos.

 

Desta forma, todo processo que não adiciona valor está na perda. E fazer com que haja a redução dessas perdas é um grande desafio para as industrias têxteis.

 

Outro montante de perdas resulta de uma gestão ineficiente de controle estoque. Por mais que essa atividade seja um desafio para toda empresa, no setor têxtil a inconsistência do que realmente se tem em estoque é mais comum do que deveria. Naturalmente este quadro ocasiona perdas. Afinal, a falta de controle de matéria- prima disponível, e a perda na produção, pode levar à gastos de capital com a produção de itens que a empresa não precisa.

 

 

Retrabalho da produção

 

 

Geralmente os erros que levam ao  retrabalho, refletem problemas de planejamento da produção.

 

Alguns dos principais fatores está a mão de obra sem qualificação adequada. Mas os gestores não são menos culpados, sobretudo quando os problemas ocorrem por falta de manutenção do maquinário utilizado. Os fatores citados, de modo isolado ou em conjunto, acabam por ser as principais causas para o retrabalho. Devemos considerar que passar por um retrabalho é mais demorado e penoso do que criar algo do zero, já que é necessário aproveitar o máximo possível do trabalho já feito. Um dos princípios básicos é ter controle de retrabalhos na produção, a fim de reduzi-los e tornar a sua indústria mais eficaz.

 

 

Falta de informação

 

 

Muitas das principais perdas na Indústria da Moda são causadas pela falta de informação. Seja porque esta se encontra desatualizada ou ausente. Vale ressaltar aqui a frequência com que os problemas surgem por conta de manuais ou ficha técnica ausentes/incompletos, falta de controle do planejamento da produção, e controle de matéria- prima.

 

 

Falta de integração

 

 

Hoje os setores de uma confecção devem estar integrados, só que a dependência de processos manuais prejudica este objetivo. Devemos investir na automatização para evitar erros comuns que tendem a surgir por falha humana - alguns já citados.

 

É algo para se considerar, especialmente porque estes erros podem causar perda de informações relevantes para a empresa. Os sistemas informatizados (CRM) para comunicação interna são a solução para interligar os diferentes setores produtivos, e analisar onde está ocorrendo mais perdas.

 

 

Aproveite para conhecer as nossas soluções para o mercado têxtil

 

 

Se resumirmos as Principais Perdas na Indústria da Moda, perceberemos que muitas são causadas por inadequação ao mercado atual. Modernizar-se, portanto, é fundamental. Se você está buscando por ferramentas que auxiliam nos aspectos produtivos e de gestão da sua confecção, podemos ajudar. Desenvolvemos soluções voltadas para a indústria têxtil e que abrangem todos os processos de venda, comercialização e confecção de roupas. Clique aqui e conheça nossos softwares e serviços!

assine nossa newsletter e receba as novidades no seu e-mail.