Cronometragem e cronoanálise

 
A cronoanálise é uma das ferramentas mais importantes no monitoramento de uma cadeia produtiva. Através da cronometragem das etapas de fabricação de peças e itens, é possível definir o tempo que está sendo efetivamente gasto no processo, e quanto é desperdiçado até uma tarefa ser concluída.
 
O estudo do tempo demandado na linha de produção é essencial para que a gestão da indústria possa encontrar maneiras de ampliar a produtividade, gerar mais lucros, utilizar melhor os recursos disponíveis e consequentemente, cortar gastos. Há algumas variáveis a serem consideradas para a aquisição de dados, armazenamento e análise, sendo elas o cálculo de tempo padrão, uso de formulários de cronometragem e avaliação de ritmo.
 
Tempo padrão
 
O tempo padrão é uma medida que diz o período que um item leva para ser concluído quando a tarefa é realizada por profissionais devidamente capacitados, e com experiência na área em que foram designados. 
 
O seu cálculo é feito de maneira simples, relacionando o tempo que um profissional leva para completar todas as suas tarefas, e multiplicando pelo número de colaboradores realizando as mesmas funções. Ao final desse cálculo você obtém o tempo que um funcionário levaria para completar as atribuições de toda a equipe e então divide esse valor de quantidade de peças produzidas, de maneira a obter o tempo padrão para a produção de uma unidade, ou conclusão de uma tarefa. 
 
Conhecendo esse dado, a gestão terá uma base para definir maneiras de aumentar a produtividade, planejar novos métodos de ação para estimular a produção, através da definição de uma base salarial justa e que gratifica o bom funcionário. É ainda uma maneira muito eficiente de definir o preço final do produto, uma vez que levará em conta a mão de obra utilizada e a necessidade de ampliar ou reduzir o número de operadoras.
 

Formulários de cronometragem

 
Não basta definir o tempo padrão e pensar em maneiras de otimizar a produção sem manter todos os dados históricos registrados. O tempo padrão é uma maneira de obter informações sobre um processo específico, e toda descrição possível é sempre bem-vinda. Um formulário de cronometragem é um documento que registra o tempo gasto por uma operadora para completar a tarefa.
 
O analista que acompanha a linha de produção registra o tempo gasto, número total de itens produzidos no intervalo cronometrado, ritmo de trabalho e por quanto tempo a tarefa foi pausada caso a continuidade não pudesse ser mantida, seja pelas necessidades fisiológicas do funcionário, falta de abastecimento e diversos outros fatores.

 

Avaliação de ritmo

 

Esse processo é um pouco mais subjetivo, dependendo da realidade de indústria a cada momento. O analista irá comparar a produção das operadoras com aquilo que considera ser o ritmo ideal de trabalho.
 
Essa avaliação é uma das mais difíceis de serem feitas, pois, para um resultado realista, é necessário considerar inúmeros fatores que podem nem ser tão evidentes, como a disponibilidade de matéria prima e a eficiência dos profissionais envolvidos no processo. 
 
É importante ressaltar que a maior precisão é conquistada quando o analista foca todos os seus esforços em entender completamente as etapas do processo, avaliando cada tarefa individualmente, e conhecendo as limitações intrínsecas à linha de produção.
 
Quer conhecer todas as facilidades que podemos oferecer para registro e validação da cronometragem de seus produtos? Entre em contato com a gente e solicite uma demonstração. 

assine nossa newsletter e receba as novidades no seu e-mail.